Linkultura

por Nereide Michel em 24/09/2018

“Chega de Saudade”, “Desafinado”…“Minha alma canta”, num “Samba de uma nota só”, e da janela vê-se o “Corcovado”… e paisagens sonoras onde desfila a “Garota de Ipanema”, que é a “coisa mais linda” e, é a “Primavera da flor”…

A Bossa Nova foi – e continua sendo – uma embaixatriz do estilo de vida brasileiro no cenário internacional. Das Américas à Europa com escala no Japão, onde aficcionados pela sua batida inconfundível misturam sotaques para entoar a delicadeza dos seus versos.  “A Bossa, é Nossa” sem dúvida, e ela é uma sensível  fonte de inspiração para um grupo de artistas paranaenses que estão expondo com este tema trabalhos inéditos no Espaço Cultural do Hospital IPO. A mostra faz parte da 12ª Primavera de Museus promovida pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM).

Com curadoria e coordenação dos artistas visuais Carla Schwab e Eloir Jr., a mostra é composta por telas de 15 pintores paranaenses, acrescida da participação especial da carioca Sonia Madruga. Ana Lectícia Mansur, Ari Vicentini, Bia Ferreira, Carla Schwab, Celso Parubocz, EloirJr., Katia Velo, Kézia Talisin, Luciana Martins, Luiz Felix, Oswaldo Fontoura Dias, Roberto Mattar, Ruth Mara, Tania Leal deram cores e formas às suas obras tendo ao fundo os hits de um movimento musical que desconhece fronteiras sem perder a brasilidade.

Afinal, como destaca Eloir Jr, “transcorridas seis décadas do nascimento deste genuíno gênero musical, esta senhora Bossa que ainda é Nova, rompe barreiras diplomáticas e coloca sempre em evidência o melhor que o Brasil tem”.

Cada obra em exposição conta com um QR Code (endereço eletrônico) com o qual o público pode obter informações complementares a respeito dos artistas e dos trabalhos produzidos.

ONDE ESTÁ

Exposição “A Bossa, é Nossa”

Espaço Cultural IPO,  Avenida República Argentina, 2069, Água Verde, Curitiba

Até 4 de outubro

404 Not Found

Not Found

The requested document was not found on this server.


Web Server at vps456091.ovh.net