Coisas Novas

por Nereide Michel em 29/11/2017

Não é de hoje que o apelo pela opção por produtos sustentáveis, duráveis e atemporais se apresenta como uma necessidade para se evitar um ambiente desgastado e prejudicial a quem nele habita. Infelizmente muitas formas de consumo da sociedade contemporânea têm reflexo na qualidade de vida dos moradores deste nosso planeta. Por isso, cada vez mais, o termo Slow – que traduzido do inglês significa “devagar, sem pressa” –  gruda-se a palavras como Fashion, Life, Travel, Food  – Moda, Vida, Viagem, Alimentação – integrando -se ao nosso cotidiano e espalhando novas propostas de hábitos conscientes que previnam danos causados pelo excesso. O Design, que tem uma importância ímpar para quem quer viver com “beleza e funcionalidade”, não poderia ficar fora deste movimento que empunha a bandeira do “menos e melhor.”  O Slow Design segue, como no caso do Slow Fashion, todas as etapas de criação e fabricação para que estas não ignorem os preceitos da sustentabilidade.

Um exemplo de como o Slow Design está sendo absorvido pelas empresas brasileiras é dado pela paulista Futon Company, que foca a sua produção na qualidade e longevidade, através do uso de materiais naturais, reciclados e de origem controlada. Entre os itens obrigatórios que fazem parte de seu cronograma de trabalho estão a valorização do handmade; o uso de matéria-prima sustentável local, com fabricação e transformação regional dos produtos e o desenvolvimento de tecidos, que podem utilizar na sua confecção até 70% proveniente de resíduos de tecidos de algodão limpo da indústria e outros 30% de garrafas PET recicladas.  As sobras são separadas por cor e os retalhos de algodão são triturados para produzir um novo fio, já na cor do tecido. O pet entra na composição desse fio retorcido para lhe dar maior resistência. Esse processo sustentável dispensa o tingimento do fio, custoso no gasto de água e produtos químicos.

A marca também privilegia o uso de madeiras maciças nos móveis, que podem ser montados e desmontados de maneira fácil, uma contribuição à durabilidade e praticidade de um produto.

Poltrona Paulistano

 

Poltrona Peg Lev

As poltronas Paulistano e Peg Lev, que fazem parte das opções da Futon Company, exemplificam a sua preocupação com a “hiperextensão” da vida útil de um produto, pois são projetadas para passar de geração em geração sem perda de qualidade e contemporaneidade. Palha de tatame, papel de luminárias, espumas bio, algodão dos enchimentos, madeira plantada controlada e fibras de pet estão entre os componentes sustentáveis que entram na linha de produção  da empresa.

404 Not Found

Not Found

The requested document was not found on this server.


Web Server at vps456091.ovh.net